Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
img201703291156424300263
|

Um dos problemas da esquerda pequeno-burguesa é a cegueira sobre a situação política. Assim foi na história quando o Nazismo tomou o poder na Alemanha e tem sido assim em vários golpes que se sucederam no mundo.

No Brasil não foi diferente. Até mesmo a maioria dos parlamentares que faziam parte do governo demoraram para admitir a iminência do golpe. O PCdoB, que hoje procura esquecer Lula preso para apoiar a candidatura do Ciro, também se enquadra entre os partidos da esquerda que “demoraram” para acordar para o golpe.

Orlando Silva, deputado federal pelo PCdoB, mostra que não aprendeu nada com o golpe. Agora subestima o fascista Jair Bolsonaro dizendo que seu crescimento é “apenas fogo de palha” e que “não assusta”. Outro grave problema é a ilusão com as eleições, que é uma das causas para a cegueira diante da situação política. Esta ilusão com a democracia e a eleição impede de enxergar o real perigo do fascismo, como se tudo fosse um problema de voto.

Orlando Silva precisa descobrir que a extrema-direita, representada por Bolsonaro, não está comovida nem com palavras nem com eleições, muito menos com democracia e os golpistas estão dispostos a lançar mão dos seus cachorros fascistas para destruir a esquerda e as organizações dos trabalhadores.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas