O golpe avançando: Latam demite 1.200 funcionários e contrata terceirizados

latam

Uma das principais empresas aéreas operantes no Brasil – a Latam – demitiu 1,2 mil funcionários recentemente para contratar terceirizados. Todas as operações de rampa e limpeza, gestão de equipamentos de solo e atendimento a clientes com bagagens perdidas ou danificadas nos aeroportos de Guarulhos, em São Paulo, e do Galeão, no Rio de Janeiro passarão a ser feitas pela empresa Orbital – WFS.

A desculpa dada pela Latam é que “a contratação do parceiro para realizar estas operações em Guarulhos e no Galeão é uma medida pontual, que se mostrou como a melhor alternativa para as necessidades da LATAM Airlines Brasil neste momento. A decisão está em linha com o mercado nacional e faz parte de uma tendência mundial de contratação de serviços especializados”. Embora cretina, a justificativa é verdadeira.

A Latam demitiu seus funcionários porque pensa apenas no seu próprio lucro (“necessidades da Latam Airlines Brasil”) e se utilizou das facilidades cada vez maiores para a terceirização de serviços (“tendência mundial de contratação de serviços especializados”).

A Latam, como qualquer outra empresa, compôs o golpe de Estado e vai aproveitar todas as vantagens de ter um governado dominado pelos patrões: explorar os trabalhadores até a última gota de suor. Por isso, é necessário que todos os trabalhadores se aliem para luta contra o golpe e eleger Lula presidente.