Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
O assunto ainda está envolto em mistério. Mas alguns órgãos da imprensa européia já especulam a saída do craque brasileiro Neymar do Paris Saint-Germain, bilionário time francês controlado por investidores do mundo árabe. O PSG pagou mais de R$ 800 milhões para ter o futebol do brasileiro nos gramados franceses.
 
Neymar encontra-se no Brasil onde se recupera de uma cirurgia no pé que o deixará afastado do futebol por três meses. O retorno só deverá mesmo ocorrer pouco antes da Copa do Mundo, na Rússia.
 
Especula-se que o craque brasileiro estaria insatisfeito com o ambiente no clube francês, marcado por disputas internas ente as estrelas que compõem o elenco milionário do time da capital francesa. A própria torcida do PSG chegou a hostilizar Neymar numa partida em que o brasileiro teria tomado para si a responsabilidade pela cobrança de um pênalti. Os torcedores queriam que o centroavante uruguaio Cavani tivesse executado a cobrança. Houve outros episódios em que Neymar foi vaiado pela torcida.
Dirigentes do time francês estão chegando ao Brasil – o próprio presidente, inclusive – para conversar com Neymar e convencê-lo a cumprir o seu contrato e não deixar o clube. No entanto, na sexta-feira passada, dia 9 de março, “o jornal espanhol “As” conta que representantes do clube, o pai do jogador e dois advogados se reuniram em Paris para conversas iniciais.
Apesar de o PSG não ter interesse em vender seu principal jogador, as partes acreditam que uma proposta de 400 milhões de euros (cerca de R$ 1,6 bilhão) seria suficiente para mudar a cabeça de Nasser Al-Khelaifi, presidente do clube francês” (G1, 09/03).
Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas