Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Barcelona's Brazilian forward Neymar (R) and his father Neymar Santos arrive to Spain's national court in Madrid on February 2, 2016. Barcelona star Neymar and president Josep Maria Bartomeu will be called to give evidence this week in the murky case over the deal which brought the Brazilian to the Catalan giants from Santos in 2013.   AFP PHOTO/ JAVIER SORIANO / AFP / JAVIER SORIANO
|

Se já não fossem suficientes os ataques desfechados ao futebol brasileiro pelos inimigos do melhor futebol do mundo durante a Copa do Mundo e agora de forma mais explícita e escandalosa na Taça Libertadores (onde três times brasileiros foram prejudicados pela arbitragem de campo e pelo famigerado VAR), está em curso neste momento uma verdadeira rede de intrigas montada contra o nosso maior craque, o atacante Neymar, que joga na equipe francesa do Paris Saint Germain (PSG).

Um juiz espanhol está cogitando a hipótese de condenar o atacante brasileiro a até seis anos de prisão, supostamente por irregularidades e fraude na transferência de Neymar do Santos ao Barcelona, ocorrida em 2014. Num primeiro momento o “Ministério Público espanhol apresentou pedido de dois anos de prisão para Neymar, que, em depoimento à justiça espanhola, se defendeu das acusações, afirmando que apenas se concentrava em jogar futebol (…)” (Jornal do Brasil, 31/10).

O fato é que no obscuro e promíscuo mundo das transações multimilionárias do futebol mundial, envolvendo todos os maiores grupos econômicos e os gigantes do futebol das potências capitalistas que controlam o esporte mais popular do mundo, as fraudes e irregularidades se constituem a regra, onde são movimentadas somas verdadeiramente astronômicas. Por se tratarem de transações que ocorrem no universo do “civilizado e democrático” mercado europeu, nada vem à superfície ou é revelado. Não há denúncia, não há investigação, não há nada.

A investida da justiça espanhola contra o craque brasileiro é mais um degrau na escalada de ataques dos inimigos do futebol contra o melhor futebol do mundo. O imperialismo mundial usa de todos os estratagemas para atacar as nações oprimidas ao redor do mundo. Por se tratar do esporte mais popular do planeta, o futebol é uma das formas que os opressores encontram na luta que o grande capital trava para submeter e subjugar os povos explorados em todo o mundo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas