Basquetebol
Liga americana de basquete profissional vê os casos de COVID-19 dispararem entre seus atletas.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Foto: Getty Images
Donovan Mitchell (Utah Jazz) ataca o aro contra o Detroit Pistons. | Foto: Getty Images

A National Basketball Association (NBA), mais famosa liga profissional de basquetebol do mundo, anunciou novas medidas para contenção do COVID-19 entre seus jogadores. A liga já registra mais de 100 casos da doença desde o início da temporada em 22 de dezembro.

Apenas esta semana, quatro jogos da NBA foram suspensos pois um dos times tinha menos jogadores que o necessário para iniciar uma partida.

Um dos casos mais salientes foi o de Seth Curry, jogador do Philadelphia 76ers, que recebeu o diagnóstico positivo ao fim do primeiro quarto de um dos jogos da equipe. O jogador ainda não havia atuado na partida, mas esteve no banco o tempo todo, em contato com jogadores da sua equipe e da adversária.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas