Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Rascunho automático 262Leonardo Boff, que não costuma ser muito feliz em suas intervenções no Twitter, pediu uma intervenção urgente do Exército contra as ações do lesa-pátria Michel Temer de entrega do patrimônio nacional. Boff sugere que os militares interfiram na venda realizada recentemente da Embraer pelo golpista Temer.

Isso demonstra que o conjunto da esquerda brasileira está numa confusão inacreditável. PT, PCdoB e PSOL votaram contra a intervenção mas não denunciaram esse fato para a população, ao contrário, essa declaração do Boff demonstra uma confiança de que os militares irão resolver a situação política do país.

As esquerdas ainda não acordaram para a questão central de hoje que é a luta contra o golpe de estado e não a sua promoção. A intervenção militar no Rio de Janeiro mostra que as forças armadas, que já vinham ocupando um espaço cada vez maior na política brasileira, agora assumiram um papel de primeiro plano do desenvolvimento político. Nós estamos assistindo um grande passo adiante da militarização da situação política nacional, nesse cenário não é apenas perigoso, mas extremamente arriscado solicitar dos militares a deposição do golpista Temer.

A ocupação militar do Rio é uma demonstração que o golpe avança e se aprofunda. A situação política exige uma dura campanha contra a intervenção militar no Rio de Janeiro, como parte fundamental da própria luta contra o golpe e a prisão de Lula. Por isso, mais do que nunca e principalmente no Rio de Janeiro, está na ordem do dia fortalecer e ampliar os comitês de luta contra o golpe.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas