Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Após a crise gerada pelas acusações da Inglaterra de que a Rússia teria sido responsável pelo envenenamento do ex-espião Skripal, uma forte onda de represálias a Putin vem sendo preparada pela imprensa ligada aos grandes monopólios. No entanto, Jeremy Corbyn não seguiu a orientação dada pelo imperialismo.

Em entrevista à BBC, Corbyn falou claramente que não iria fazer nenhum condenar a Rússia sobre o que aconteceu, uma vez que a Inglaterra não apresentara quaisquer provas e que a Rússia havia se declarado inocente diante das acusações. Além disso, Corbyn defendeu fortemente que a Rússia não fosse retaliada.

Quando perguntado se dialogaria com Putin, Corbyn disse: “claro que sim”. Assim, apesar de toda a campanha que vem sendo feita contra a Rússia – e até mesmo contra a Copa da Rússia –, Corbyn não se curvou aos interesses do imperialismo. Além disso, Corbyn lembrou que a Rússia foi o país que mais sofreu na Segunda Guerra Mundial e que deve ser sempre considerada em qualquer discussão global.

A postura firme de Corbyn contrária às retaliações à Rússia não é de nenhum interesse para o imperialismo. Na atual etapa de profunda crise em que o capitalismo se encontra, nenhuma força que se oponha ao imperialismo tem sido tolerada. Assim, ao se posicionar contrário à retaliação à Rússia – e, naturalmente, favorável ao enfrentamento com o imperialismo, que é quem massacra os trabalhadores em todo o mundo – Corbyn mostrou mais uma vez que sua candidatura ao cargo de primeiro ministro será uma dor de cabeça para os monopólios.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas