Eleições 2020
O Partido da Causa Operária irá lançar, na Paraíba, candidaturas a prefeito, vice-prefeito e vereador, nos dois principais municípios do estado

Por: Redação do Diário Causa Operária

O Partido da Causa Operária irá lançar, no estado da Paraíba, o total de 3 candidaturas, entre prefeito, vice-prefeito e vereador em João Pessoa e Campina Grande. As candidaturas representam uma demarcação de posição do partido nas principais cidades dos estado.

Na conferência estadual da paraíba, ocorrida no dia 13 de setembro, discutiu-se o programa do partido para as eleições do estado. O programa é o mesmo nacionalmente aprovado na 30 Conferência Nacional, e que o mesmo que PCO vem defendendo para a situação política do País no seu dia a dia, em todos os locais em que está organizado.

Munidos desse programa, as candidaturas do PCO são defesas programáticas das lutas dos oprimidos e não candidaturas individuais com foco em conseguir um cargo público aos candidatos. A eleição vai ser usada pelo PCO e seus candidatos como uma tribuna contra o golpe de Estado e pela unidade da esquerda em torno da candidatura de Lula em 2022, posto que o ex-presidente é a única figura capaz de mobilizar a população contra o golpe e cuja candidatura possa fazer frente a qualquer candidato colocado pela direita golpista, baseado na necessária e fundamental mobilização popular em torno da recuperação dos direitos políticos de Lula. Abaixo, um pouco da história dos candidatos do PCO no estado da Paraíba:

João Pessoa

Candidato a prefeito: Camilo Duarte, 37 anos de idade. É servidor público federal como técnico administrativo da educação.  Ingressou no Partido da Causa Operária em 2002, tendo saído candidato em diversas outras eleições. É parte direção estadual do PCO. Trabalhou nos Correios onde fez parte da Corrente Ecetistas em Luta e foi da direção da Fentect. Foi militante no movimento estudantil participando da primeira ocupação da reitoria da USP em 2007, período em que morou em São Paulo.

 

Candidato a vice-prefeito: Mauricio de Almeida, 44 anos de idade. É servidor público estadual como técnico administrativo, tem uma historia de militância e candidaturas pela esquerda, tendo sido candidato pelo PCO em outras eleições. Promove um canal virtual de noticias e debates online.

 

Campina Grande

Candidato a vereador, Adriano Trajano, 46 anos de idade. É pequeno comerciante e por vezes agricultor. Nasceu em Campina Grande,  tendo sido criado na zona rural de Areia e em Remígio. Deixou sua terra natal e foi trabalhar no interior de São Paulo durante 17 anos. Hoje, novamente residente na Paraíba, trabalha como agricultor e com pequenas vendas. Estudou até a 6a série do ensino fundamental. Decidiu ingressar no PCO por ser um partido diferente dos partidos da burguesia, um partido político formado por trabalhadores e que entende que só o trabalhador pode mudar a situação do País.

 

Send this to a friend