Siga o DCO nas redes sociais

Luta contra o golpe
Mutirões pela Liberdade de Lula aconteceram em dezenas de cidades
Neste domingo, 55 cidades e 17 Estados registraram mutirões pela Liberdade de Lula e pelo Fora Bolsonaro.
mutirão apulista
Luta contra o golpe
Mutirões pela Liberdade de Lula aconteceram em dezenas de cidades
Neste domingo, 55 cidades e 17 Estados registraram mutirões pela Liberdade de Lula e pelo Fora Bolsonaro.
Mutirão realizado na Avenida Paulista. Foto: Arquivo DCO.
mutirão apulista
Mutirão realizado na Avenida Paulista. Foto: Arquivo DCO.

No último domingo (22/09), militantes do Partido da Causa Operária (PCO), dos Comitês de luta contra o golpe, Partido dos Trabalhadores (PT) e comitês Lula Livre realizaram mutirões pela liberdade de Lula em dezenas de cidades por todo o País. Somente os mutirões organizados pelo PCO foram realizados em, pelo menos, 55 cidades. Cada final de semana, os mutirões crescem em número de cidades e de pessoas, e neste domingo ocorreram mutirões em 17 Estados do país: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Belo Horizonte, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Bahia, Sergipe, Alagoas, Ceará, Piauí, Pará, Amazonas e Tocantins.

Os ativistas e militantes organizaram agitações nas feiras livres, praças, bairros de trabalhadores e também na Parada Gay que ocorreu em alguns municípios. Em todos os locais a adesão a palavra de ordem de Liberdade para Lula e Fora Bolsonaro foi muito grande. Fato que demonstra na prática a vontade da população.

Já são mais de três meses ininterruptos de mutirões aos domingos onde foram mobilizados centenas de militantes e colhidas milhares de assinaturas pela anulação dos processos fraudulentos contra o ex-presidente Lula.

As campanhas são uma importante ferramenta na mobilização da população e de organização dos militantes para incentivar uma ofensiva dos movimentos populares, sindicatos e partidos de esquerda para lutar contra a direita e contra a prisão de Lula, fato fundamental para estabelecimento dos golpistas e de Bolsonaro no poder.

Por isso, é necessário a formação de novos comitês de luta contra o golpe e pela liberdade de Lula, pois é um meio de reunir pessoas que querem ir as ruas e reagir contra os ataques da direita, e neste momento em que o governo Bolsonaro passa por uma profunda crise e a operação Lava Jato fica cada vez mais desmoralizada diante da divulgação das mensagens entre o então juizSérgio Moro e os procuradores para perseguir Lula e o PT e proteger a direita golpista.