Extremo sul da Bahia
Manifestação é contra a proibição do trabalho para a categoria durante a pandemia
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
musicos
Protesto em Porto Seguro, 07/01/2021 | Foto: Reprodução

Na manhã desta quinta-feira (7), músicos interditaram a BR-367, na orla de Porto Seguro, em protesto contra a proibição do trabalho para a categoria, editada em decretos estaduais e que já vem se estendendo há meses. Os manifestantes ocuparam a pista com galhos e pneus incendiados, em frente à entrada da Casa de Show Transilvânia.

“Só nós é que estamos proibidos de trabalhar, como se a música transmitisse o vírus”, desabafou um dos manifestantes. A cidade que depende quase que exclusivamente do turismo está sem nenhuma política para a população. O governo Bolsonaro cortou o auxílio emergencial e colocou vários entraves para o acessos dos músicos aos míseros R$ 600,00, o governo Estadual somente tem a política de proibir e mandar a polícia militar reprimir a população e o governo muncipal apenas faz demagogia, mas não está fazendo absolutamente nada para ajudar os trabalhadores da cidade. O prefeito bolsonarista Jânio Natal em vez de jogar os trabalhadores para se contaminar com o coronavírus deveria usar os recursos do município para pagar um auxílio adequado para todos os trabalhadores afetados pela pandemia.

Enquanto isso, o Estado segue sem fornecer testes e remédios e promovendo a abertura total da economia, agravando ainda mais a pandemia e o bolsonarista Jânio Natal quer que os trabalhadores continuem trabalhando e se arriscando a morrer pela doença para que a direita no município continue lucrando.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas