Siga o DCO nas redes sociais

Ataque ao MST.
MST faz campanha contra despejo de Centro de Formação
Movimento Sem-Terra denuncia ação de despejo do Centro Paulo Freire em Pernambuco. É preciso mobilizar para barrar a ofensiva!
WhatsApp Image 2019-09-17 at 12.10.34 (4)
Ataque ao MST.
MST faz campanha contra despejo de Centro de Formação
Movimento Sem-Terra denuncia ação de despejo do Centro Paulo Freire em Pernambuco. É preciso mobilizar para barrar a ofensiva!
Foto: Matheus Alves.
WhatsApp Image 2019-09-17 at 12.10.34 (4)
Foto: Matheus Alves.

O Movimento Sem Terra, MST, denuncia e faz campanha contra o despejo do Centro de Formação Paulo Freire, localizado no Assentamento Normandia em Pernambuco. O Centro de Formação existe desde 1999 e, de lá para cá, 100 mil pessoas já participaram de atividades no Centro, 8 mil estudantes se formaram no espaço, além de que 60% da merenda escolar de Caruaru é fornecida pelo Centro.

A remoção se deu por meio de uma liminar concedida pela justiça golpista no último dia 21 de agosto, pelo juiz Tiago Antunes de Aguiar. Atende diretamente aos interesses do governo golpista e ilegítimo de Jair Bolsonaro de acabar com as organizações populares no país.

O Centro de Formação conquistado em 1999, foi fruto de cinco anos de luta dos sem-terra, que ocuparam a área e, por meio de intensas mobilizações, conquistaram a posse do terreno.

Na liminar concedida pelo juiz golpista, há a autorização, inclusive, do uso da força policial contra os assentados, como o arrombamento do local, a remoção dos materiais e dos animais, além da prisão dos ocupantes da área.

É preciso denunciar mais esta ofensiva do governo golpista contra os movimentos populares. Desde o golpe de estado de 2016 e, após as eleições fraudulentas do último ano, a direita vem impondo um verdadeiro regime de terror contra as organizações populares e suas lideranças. O MST vêm sendo um dos principais alvos, são vários os casos de assassinatos e mortes envolvendo integrantes do movimento nos últimos anos.

Além da denúncia, é de fundamental importância a mobilização da população camponesa contra o governo golpista e fascista de Jair Bolsonaro. Organizar nos assentamentos e acampamentos os comitês de autodefesa e impulsionar a luta pela derrubada do governo golpista e fraudulento, além da libertação do ex-presidente Lula. Fora Bolsonaro! Liberdade para Lula!

Os companheiros do MST estão realizando um abaixo assinado para denunciar a perseguição ao Centro de Formação Paulo Freire, para assinar, basta acessar no link a seguir: https://centropaulofreire.org.br.