MST apóia a greve dos caminhoneiros para fortalecer o movimento grevista

mst caminhoneiros

Notícia publicada pelo sítio 247, no dia 24 de maio, quinta-feira, mostra a aderência do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) à greve dos caminhoneiros, levando alimento para os grevistas.

Os militantes do MST distribuíram alimentos no quilômetro 204 da Rodovia Presidente Dutra, na altura da cidade de Seropédica.

Cerca de 2000 veículos estão parados na beira da estrada e em um terreno de um posto de combustível. A Polícia Rodoviária Federal está no local e, obviamente, diminui o número de manifestantes.

A greve dos caminhoneiros que tem como base um setor despolitizado e de base pequeno-burguesa, por acirrar as contradições com o governo golpista e com os setores imperialistas, responsáveis pela alta do combustível, acaba por agregar setores dos movimentos populares e dos trabalhadores. Uma greve como essa pode acirrar ainda mais a polarização política atual e, quem sabe, levar a greves mais classistas.