Contra arrocho dos empresários
Motoristas dos ônibus coletivos de João Pessoa paralisaram as atividades na parte da manhã contra aumento da passagem e piora nas condições de trabalho.
Motoristas - João Pessoa
Protesto travou plataformas da Lagoa, Centro de João Pessoa. | Foto por: divulgação/SEMOB
Motoristas - João Pessoa
Protesto travou plataformas da Lagoa, Centro de João Pessoa. | Foto por: divulgação/SEMOB

Dezenas de motoristas dos ônibus do transporte coletivo de João Pessoa (PB) realizaram um protesto na manhã desta segunda (25) paralisando as atividades das 8h às 10:30h, em protesto contra o aumento da passagem.

O aumento está sendo analisado pela Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob) a pedido do sindicato das empresas de transporte coletivo, apresentado em dezembro, o que vem revoltando os trabalhadores da cidade, visto que em janeiro de 2020 já houve aumento de 3,80 para 4,00 e já se discute um novo aumento. As empresas alegam que é o previsto no contrato de concessão, sem considerar os problemas de desemprego e perda de renda que os trabalhadores enfrentam por conta da pandemia.

Os motoristas também protestaram contra as condições de trabalho, principalmente pela exclusão de cobradores nos ônibus o que obrigou os motoristas a se exporem ainda mais à pandemia ao ter que manusear e trocar o dinheiro das passagens.

Relacionadas
Send this to a friend