Mostra de pintores modernistas em São Paulo

mostra de pintores modernistas em sao paulo

Em parceria com o Centre Georges Pompidou, que trouxe obras de artistas como Salvador Dalí, Joan Miró, Kandinsky e Pablo Picasso, o Tomie Ohtake inaugurou nesta quinta-feira (5), a mostra “Alucinações Parciais”. Nos últimos anos, o instituto recebeu exposições com centenas de quadros.

Ao realizar Alucinações Parciais, nome inspirado na obra de Salvador Dalí, presente na mostra, o Instituto Tomie Ohtake e o Centre Pompidou inovam ao proporem uma “exposição-escola” com obras-primas de 20 dos maiores artistas modernistas do Brasil e do mundo. O novo formato pretende oferecer uma experiência em que o público possa se aproximar ainda mais dos trabalhos, de seus respectivos autores e do movimento histórico. Entre os eventos, haverá debates, aulas palestras, workshops e performances.

No conjunto do Centre Pompidou estão os artistas e as respectivas obras: Fernand Léger, Adeus Nova York, 1946; Georges Braque, Natureza-morta com violino, 1911; Henri Matisse, Ponte Saint-Michel, c.c 1900; Joan Miró, A Sesta, 1925; Man Ray, Uma noite em Saint-Jean-de-Luz, 1929; Pablo Picasso, Arlequim, 1923; Paul Klee, Rítmico, 1930; Robert Delaunay, Torre Eiffel, 1926; Salvador Dalí, Alucinação parcial. Seis imagens de Lenin sobre um piano, 1931; Wassily Kandinsky, Quadro com Mancha Vermelha, 1914.

ENTRADA GRATUITA.

PROGRAMAÇÃO

O Núcleo de Cultura e Participação e o Núcleo de Pesquisa e Curadoria desenvolveram uma ampla programação para a exposição Alucinações Parciais.

De 05 de abril a 10 junho.

Instituto Tomie Ohtake

Horário de terça a domingo das 11H às 20 h

ENDEREÇO Av. Brigadeiro Faria Lima, 201, Pinheiros, São Paulo.