Morre Toni Morisson, escritora e militante pelos direitos dos negros

images-1-300x169

Morreu nesta segunda-feira (5), aos 88 anos, a escritora americana Toni Morrison.

Nascida em 18 de fevereiro de 1931, em Ohio, nos Estados Unidos, Toni foi a primeira mulher negra a ganhar o prêmio Nobel de Literatura.

Com uma obra composta por vários romances, textos infantis e ensaios, a escritora feminista e militante pelo direito dos negros, deixou sua marca mostrando a realidade dos negros no seu país.

Toni se aposentou em 2006 como professora de Humanidades na Universidade de Princeton. Seu romance mais recente publicado no Brasil, foi “Deus ajude essa criança”.