Greve geral e Fora Bolsonaro
A categoria deve paralisar a atividade nacionalmente pois estão abandonados e precisam lutar pela derrubada do governo
FB_IMG_1591025778982
Em memória de Niro Sebastião Pacheco | Foto: reprodução

A SINTECT-RJ comunicou neste domingo (31) o falecimento do companherio ecetistas, Niro Sebastião Pacheco, carteiro, lotado no Cdd Nilópolis, devido ao COVID-19.

Como medida preventiva ao avanço a contaminação pelo novo coronavírus, o Sindicato vem realizando paralisações, como no CDD Taquara após um trabalhador ser contaminado pela covid-19 e a empresa descumprir o protocolo original que concede o afastamento imediato do efetivo da unidade para o trabalho remoto, aplicação de medidas de segurança e desinfecção do setor.

Porém, o sindicato precisaria parar por uma greve geral política todos os trabalhos em todas as unidades nacionalmente. Está claro que o governo abandonou os trabalhadores para a morte, sem testes, UTIs e EPIs.

Relacionadas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments