Morre criadora do Bolsa Família, coordenadora do programa durante o primeiro governo Lula.

Idealizadora do Bolsa Família, Ana Maria Medeiros da Fonseca Morre criadora do Bolsa Família, coordenadora do programa durante o primeiro governo Lula. 1 morreu no domingo, 25, em Campinas. Ana Maria foi coordenadora do programa durante o primeiro mandato do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, de outubro de 2003 a janeiro de 2004. Depois, assumiu a secretaria Executiva do Ministério do Desenvolvimento Social de fevereiro a novembro 2004.

Por meio de nota, Lula lamentou a morte da pesquisadora, a quem chamou de “mulher acadêmica nascida no Nordeste que ajudou a criar o maior programa de transferência de renda do planeta, o Bolsa Família”.

“Minha solidariedade aos familiares e amigos de Ana, que deixou uma contribuição imensurável para o Brasil ao ajudar tirar milhões de brasileiras e brasileiros da extrema pobreza”, diz Lula, no texto.A idealizadora do Bolsa Família era coordenadora associada do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas (NEPP) da Unicamp. Por meio de nota, a Universidade disse que Ana Maria “deixa de legado de uma vida dedicada ao estudo da pobreza e da distribuição de renda uma longa lista de trabalhos e livros publicados ao longo da sua vida”.

Lembrar para não esquecer que os golpistas que assaltaram o poder em 2016, estão fazendo esforços para acabar com todos os programas sociais de transferência de renda para a população de baixa renda, isso inclui o programa bolsa família. A direita imperialista, principal articuladora do golpe, articula os pauzinhos da marionete para não deixar nem rastro de qualquer política de amparo social.