Interferência de Bolsonaro
A íntegra do depoimento do ex-ministro Sergio Moro à Polícia Federal, revela a interferência do presidente fascista, Jair Bolsonaro nas investigações contra sua família
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
bozo
Crédito: Eduardo Anizelli/Folhapress |

Da redação – A íntegra do depoimento do ex-ministro Sergio Moro à Polícia Federal, no último sábado (2), revela a interferência do presidente fascista, Jair Bolsonaro (sem partido), para tentar controlar as investigações contra sua família no Rio de Janeiro.

“Moro, você tem 27 superintendências e eu quero apenas uma: a do Rio de Janeiro”, disse Bolsonaro ao ex-juiz Moro.

De acordo com o material divulgado pela emissora CNN, em janeiro de 2020 Jair Bolsonaro já cogitava trocar o comando da PF de Maurício Valeixo para Alexandre Ramagem. Moro então apresentou a Bolsonaro outros dois nomes: Fabiano Bordignon (chefe do Depen) e Disney Rosseti.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas