Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
marisa_leticia_e_lula_7_de_setembro
|

Há mais de um ano morta, Marisa Letícia tem seus bens e contas bancárias ainda bloqueadas. O Mazzaropi de Maringá, decidiu manter o bloqueio nessa quarta-feira (13). Marisa sofre perseguição de Sérgio Moro mesmo depois de morta, numa clara intenção de criar cada vez mais condições para legislar a bel prazer, sem qualquer base constitucional ou legal.

Mesmo com a punibilidade extinta (como punir um morto?), Moro continua ataques de qualquer estirpe contra o ex-presidente Lula e o PT. O próximo passo será exumar o corpo e queimá-lo em praça pública?

Mais uma vez, não há qualquer sustentação jurídica para a decisão de Moro.

Dizem os advogados:

“Cogitar-se de ‘superfaturamento’ de palestras contratadas entre partes privadas é o mesmo que admitir a esdrúxula possibilidade de o juiz arbitrar o valor que o palestrante pode cobrar por seu trabalho. No caso de Lula o valor das palestras sempre foi de 200 mil dólares, para qualquer contratante”.

Moro vai abrindo precedentes para qualquer futuro ato baseado em suas decisões. Assim como a decisão de prender em segunda instância, sem o trânsito em julgado, sem todos os recursos que os advogados de defesa tem direito a fazer, congelar os bens de Marisa Letícia, pode, e será estendido a qualquer um. O judiciário poderá tomar o dinheiro por tempo indefinido, mesmo após a morte de qualquer indivíduo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas