Golpe contra a população
Lenín Moreno aproveita estado de sítio para diminuir salários, liquidar sete empresas públicas, retirar gastos em educação e fechar embaixadas de Irã e Nicarágua
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Lenin Moreno
Lenín Moreno |

Da redação – O presidente golpista do Equador, Lenín Moreno, está aproveitando o período da pandemia, em que o Equador está em estado de sítio, para dar um duro golpe contra a população. Lenín aprovou um pacote de medidas que abaixam a carga horária de trabalho e o salário em consequência disso, liquida 7 grandes  empresas estatais e retira investimentos em educação.

Outro fator que chama a atenção é o fechamento de embaixadas. Segundo o presidente, esse fechamento se dá para a proteção de diplomatas e funcionários. No entanto, as embaixadas fechadas são de países que estão sofrendo ataques do imperialismo internacional, como Irã, Nicarágua

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas