Mobilização contra a alta no preço do combustível adia venda Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco

images (16)

A greve dos caminhoneiros, que vem denunciando a alto preço dos combustíveis, completou hoje uma semana. Paralisando todo o país, a greve vem criando uma enorme crise dentro do regime golpista – afinal, não será nada fácil entregar o petróleo brasileiro às empresas estrangeiras.

 

Com o impasse criado por causa da greve dos caminhoneiros e a situação explosiva em que o país se encontra, os golpistas começam a se ver forçados a mudar seus planos. A incerteza diante do caos fez com que algumas ações tivessem de ser repensadas.

 

Nesta semana, a Refinaria Abreu e Lima, localizada na Região Metropolitana do Recife, iria ser vendida. No entanto, diante da greve dos caminhoneiros, que colocou em xeque toda a política dos golpistas para a exploração e venda do petróleo brasileiro, a venda foi adiada.

 

A greve dos caminhoneiros precisa evoluir para uma gigantesca mobilização contra o golpe de Estado. Apenas com o apoio maciço dos trabalhadores e com a perspectiva de uma greve geral será possível barrar a venda da Petrobras e derrotar os golpistas.