Minstros do STF, Mendes e Lewandowski: conversas da Lava Jato são “escândalo”

a1

Da redação – Como afirmamos anteriormente, setores da burguesia nacional estão sendo prejudicados pela operação Lava Jato. Alguns ministros do STF estão se aproveitando do vazamento de conversas entre os membros da operação e Sérgio Moro para denunciá-la.

Neste momento, está ocorrendo no STF o julgamento do pedido de defesa do ex-presidente Lula, preso político dos golpistas, que pede anulação da pena no caso do triplex por conta de ligação do juiz Sérgio Moro com os acusadores.

Os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski estão se pronunciando contra a Lava Jato para defender os interesses dos grupos políticos a eles ligados. Afirmaram que a ligação de Moro com os procuradores da Lava Jato é um verdadeiro escândalo. A crise entre a burguesia não permite o avanço da Lava Jato, que quer atacar estes grupos políticos para colocar a dominação do país nas mãos de um outro setor da burguesia.