Ministra bolsonarista dos latifundiários anuncia fim da agricultura familiar
feira-da-agricultura-familiar-no-município-de-Santana-do-Maranhão
Ministra bolsonarista dos latifundiários anuncia fim da agricultura familiar
feira-da-agricultura-familiar-no-município-de-Santana-do-Maranhão

A ministra bolsonarista da Agricultura, Tereza Cistina do DEM-MS, declarou em uma reunião esta semana que o governo golpista de Bolsonaro irá acabar com a Agricultura Familiar. Tereza Cristina, disse que o termo “agricultura familiar” não deve ser mais utilizado, tem que ser substituído por pequenos produtores, trata-se de um declaração demagógica, que carrega na sua essência a política golpista de extinguiro os investimentos para a Agricultura Familiar.

Esse ataque é mais uma demonstração do cárater antipopular, golpista e de destruição ampla e generalizada de todos os direitos do povo do atual governo golpista de Bolsonaro. O ataque a Agricultura Familiar é um ataque ao setor produtivo que de fato abastece a alimentação de milhares de famílias brasileiras. O Agronegócio, por outro lado, é um setor parasitário do campo, voltado completamente para a especulação, sob o controle do próprio imperialismo.

O corte de investimentos na agricultura familiar visa beneficiar ainda mais o agronegócio, fortalecendo o poder deste setor sobre a população mais pobre do campo. Com isso, o governo golpista de Bolsonaro demonstra mais uma vez o seu alinhamento direto ao imperialismo, aos bancos e aos monopólios estrangeiros. É preciso impulsionar a mobilização pela derrubada de Bolsonaro e de todos os golpistas.