Militantes do PCO participam de ato em apoio à Venezuela em Londres

imgpsh_fullsize (1)

Da redação – Militantes do PCO na Inglaterra participaram hoje (07) de atos em solidariedade e apoio ao governo legítimo de Nicolás Maduro e ao povo da Venezuela, que sofrem uma nova e mais intensa ofensiva golpista do imperialismo.

Aproximadamente 100 pessoas compareceram à frente do Banco da Inglaterra para protestar contra o embargo econômico cometido pelo imperialismo, que impede a Venezuela de comprar produtos básicos, como alimentos e medicamentos, fazendo com que o povo tenha um acesso escasso a esses produtos.

Em particular, o Banco da Inglaterra bloqueou 550 milhões de dólares em ouro pertencentes à Venezuela que estão em poder da instituição parasitária. No total, o país sul-americano possui 2 bilhões de dólares em diversos ativos que estão bloqueados por instituições europeias.

Os manifestantes exigiram o desbloqueio dos bens venezuelanos roubados descaradamente pelo imperialismo britânico.

Além de militantes do PCO, participaram do ato as organizações Venezuela Solidarity Campaign, Congresso de los Pueblos, Assange Defense league, Decency, o sindicato UNITE, Ken Livingstone (ex prefeito de Londres) e Chris Williamson (membro do parlamento britânico pelo partido trabalhista inglês).

Nas próximas semanas outros atos serão realizados por toda a Inglaterra e também ao redor da Europa, em apoio ao governo legítimo de Maduro, ao povo venezuelano e denunciando o bloqueio econômico que o país sofre dos Estados Unidos e dos países europeus.