HAMBURGUER CE1920
SHARE

Dia 18: às ruas contra a reforma administrativa, Fora Bolsonaro!

Organizar a mobilização!

Militantes do PCO e dos Comitês de Luta em massa nos atos de hoje

Uma intensa agitação foi realizada em todo o Brasil com milhares da panfletos, cartazes, adesivos e também milhares de ligações para a convocação dos atos do dia 29

Panfletagem na Central do Brasil no Rio de Janeiro – Foto: Diário da Causa Operária

Após uma semana de intensa mobilização dos militantes do PCO e dos Comitês de Luta em todo o Brasil, hoje as ruas estão sendo tomadas em defesa das reivindicações dos trabalhadores, vacina para todos, auxílio emergencial e fora Bolsonaro. Em todos os atos, estão sendo formados blocos vermelhos com as organizações e companheiros mais combativos de todas as cidades para causar um forte impacto nas mobilizações as puxando para a esquerda. Para que isso seja possível é necessário uma ampla atividade de organização prévia que é vem acontecendo há mais de uma semana.

No Rio de Janeiro, para a preparação do ato do 1 de maio, formou-se um Grupo de Trabalho de Organização que realizou diversas atividades ao longo do mês de abril. Esse grupo foi reativado e ampliado para a preparação do ato do dia 29. Uma plenária de organização do ato foi convocada para o dia 22 de março com diversos companheiros e organizações, principalmente as que estão sempre nas ruas com o PCO, que deliberou pela saída do bloco vermelho da Candelária às 10h e pela formação do GT de organização.

Dia 297
As organizações mais combativas do Rio de Janeiro sairão em bloco da Candelária.

No domingo passado, aconteceram os tradicionais mutirões em todo o país, e a partir de segunda feira as reuniões do GT do Rio de Janeiro começaram a acontecer diariamente. Nelas participaram membros do PCO, do Comitê Fora Bolsonaro Rio Centro Zona Sul, de outras organizações e independentes, o foco era justamente realizar atividades para a agitação e organização do ato. Um grupo ficou incumbido de conseguir instrumentos para a Bateria Zumbi dos Palmares, outro de conseguir materiais como os cartazes. No dia seguinte já se iniciaram as panfletagens e todos os dias foram feitas convocações por telefone para os atos.

Bateria Zumbi dos Palmares
Bateria Zumbi dos Palmares terá sua estreia no Rio de Janeiro!

Assim em poucos dias foram realizadas diversas colagens e panfletagens em quase todas as regiões da cidade, no centro, na zona norte, na zona sul, na região metropolitana, com o destaque para a favela do Jacarezinho onde está sendo organizado um ônibus para trazer os moradores para a manifestação. As atividades rapidamente levantaram os ânimos dos companheiros do GT que por sua vez marcaram mais atividades e que agitaram ainda mais o dia 29, no Rio de Janeiro certamente a maior, e quase única, convocação de ruas foi organizada pelo GT.

Jacarezinho 5
Companheiros do PCO, do PT, do Movimento de Favelas e Periferias e da organização de Mães do Jacarezinho, Abrace uma mãe, realizando a colagem de cartazes e panfletagem.

No nordeste, o destaque foram as atividades de Salvador. O Comitê de Luta da Liberdade se reuniu para organizar as atividades. O mutirão de domingo já iniciou a convocação, durante a semana mais atividades foram realizadas: panfletagem no metro da lapa, confecção da faixa e dos pirulitos e por fim foi realizada uma plenária para formar um bloco unificado assim como o do Rio de Janeiro. No sul do país, os militantes se concentraram em convocar os atos das capitais. Plenárias também foram organizadas para fechar os blocos.

1622048757163
Atividade de panfletagem em Salvador.

Já na capital de São Paulo, as atividades também foram feitas nas diferentes zonas da cidade. As panfletagens aconteceram na zona norte e na zona oeste, enquanto isso na zona leste foi organizado pelo comitê de luta um ônibus para levar os moradores para o ato de forma organizada. Após o fascista João Doria entregar a paulista para os bolsonaristas no 1 de maio ele não teve a coragem de fazer o mesmo para o dia 29 Milhares de pessoas, convocadas pelo PCO e pelos Comitês de Luta se farão presentes no vão do MASP no ato mais importante do País.

O importante é que mesmo com a convocação da Plenária Nacional de Lutas que deliberou pelo ato do dia 29 não basta apenas declarar apoio e participar do ato. É necessário aproveitar o momento e intensificar ao máximo a mobilização popular, esse é o papel que cumprem o PCO e os comitês de luta, apenas por meio desta mobilização é que de fato os trabalhadores conquistarão todas as suas reivindicações das mais específicas, como a quebra das patentes e a vacinação em massa, até as mais gerais, como a derrota de todo o regime golpista.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.