OEA contra a Venezuela
Secretário-geral da OEA é um fantoche do imperialismo para derrubar governos nacionalistas e apoiar ditaduras na América Latina
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Date: February 23, 2017 Place: Washington DC Credit: Juan Manuel Herrera/OAS
Luis Almagro estará na semana que vem no Reino Unido. Foto: Juan Manuel Herrera/OEA |
Londres, 29 de outubro (Prensa Latina) As organizações políticas e sociais britânicas se organizam hoje para protestar contra a visita do secretário-geral da OEA, Luis Almagro, na próxima semana ao Reino Unido, para falar sobre a situação na Venezuela.
Almagro diz que está preocupado com a escassez de alimentos e medicamentos (na Venezuela). No entanto, são precisamente as sanções econômicas impostas pelos Estados Unidos, que a Almagro apóia, que levaram a essa situação, disse a convocação assinada pelo Grupo Revolucionário Comunista e pelo movimento Rock Around the Blockade.

Ele também salienta que a Organização dos Estados Americanos (OEA) sempre está surda as violações de direitos humanos perpetradas por governos de direita nos Estados Unidos e na América Latina, enquanto apóia ataques contra aqueles que enfrentam Washington ou tentam construir o socialismo

Nesse sentido, o texto divulgado nas redes sociais denuncia o apoio do atual secretário-geral da OEA ao regime imposto em Honduras após o golpe de estado de 2009 e seu atual silêncio sobre a morte de dezenas de manifestantes antigovernamentais no Chile, Equador e Haiti

Almagro planeja falar sobre a Venezuela na Câmara dos Comuns no próximo dia 5 de novembro, em resposta a um convite do Grupo Parlamentar Multipartidário para a América Latina (APPG), liderado pelo legislador conservador Mark Menzies.

O deputado trabalhista Chris Williamson também rejeitou a presença do Secretário-Geral da OEA no Palácio de Westminster e alertou que este grupo parlamentar será desacreditado com o convite.

É uma piada de mau gosto que o APPG convide Luis Almagro para falar sobre direitos humanos na Venezuela, disse o legislador dias atrás em sua conta no Twitter.

Na opinião de Williamson, o chefe da OEA é um ‘cara que apóia a intervenção militar para derrubar um governo eleito democraticamente’ naquele país sul-americano.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas