Auxílio emergencial
De acordo com o Ministério da Cidadania do governo Bolsonaro, algumas pessoas receberão apenas uma parte do benefício
auxilio
Aplicativo do auxílio emergencial | Foto: Reprodução
auxilio
Aplicativo do auxílio emergencial | Foto: Reprodução

Há algumas semanas, o governo Bolsonaro anunciou que o auxílio emergencial, que hoje tem o valor de R$600, seria rebaixado para o valor de uma verdadeira esmola: R$300. Mas não é só isso: de acordo com o próprio Ministério da Economia do governo ilegítimo, milhões de pessoas não receberão as quatro últimas parcelas do auxílio. Isso porque a quantidade de parcelas dependerá de quando a pessoa começou a receber o auxílio. Se a pessoa tiver começado a receber somente em julho, por causa de toda a burocracia para receber o benefício, será contemplada apenas com uma parcela.

Relacionadas
Send this to a friend