Política genocida
O governo genocida de Bruno Covas tem promovido um rodízio que aumenta a proliferação do vírus, pois a maioria da população tem que se aglomerar no transporte público
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
1_G6Udhmr-FXxrNVsl0zHx0w
medium |

Com o avanço da pandemia e o retorno da maioria dos serviços em São Paulo, os governos golpistas de João Doria e Bruno Covas em uma medida demagógica e genocida instituíram o rodízio, com o pretexto de diminuir a circulação de pessoas.

O Metrô de São Paulo admite ter paralisado uma de cada quatro composições do metrô, joga a culpa na falta de trabalhadores, no entanto, não citam que deveriam contratar mais trabalhadores. Um absurdo quando a frota total já não é suficiente, o que leva a reduzida e o rodízio vigorando na capital a causarem ainda mais desconforto.

Esse rodízio que foi implementado no momento vale para todos os dias da semana, incluindo os finais de semana. A área é mais extensa que o anterior, vale para o dia inteiro, todas às 24 horas. Permitindo a veiculação de carros alternando entre placas com final par e ímpar.

Um falácia, pois a maioria das pessoas são obrigadas a trabalharem todos os dias, com o rodízio mais rígido tiveram que enfrentar o transporte público lotado, ônibus, metrôs, etc.

Os transportes coletivos estão mais lotados desde o primeiro dia de rodízio municipal de veículos mais rígido. Diante dessa situação houve a redução do número de Metrôs, ao contrário do que foi noticiado, que aumentariam a frota.

De acordo com estudos internacionais, após ambientes hospitalares, o transporte público é um dos locais com maior risco de contaminação pelo novo coronavírus, isto é, os trabalhadores estão muito mais expostos ao vírus.

Diante do aumento exponencial dos casos em São Paulo e o investimento extremamente baixo em saúde pública, o governo usa a demagogia da política de ficar em casa pra dizer que está cuidando da população, pura mentira.

Diante desses governos inimigos dos trabalhadores que somente visam o lucro dos capitalistas e cortam salários, diminuem o transporte em contrapartida de aumentar as medidas rígidas do rodízio. É preciso colocar sob controle dos trabalhadores todos os meios de transportes e a saúde que são serviços essenciais para a população.

Somente a reabertura dos sindicatos e a organização da população pelos seus mecanismos de luta poderá colocar em xeque os golpistas e seus comparsas que fazem demagogia, mas não executam medida nenhuma de contenção e tratamento dessa pandemia. Ao contrário falam uma coisa e executam uma política genocida é maléfica.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas