Menu da Rede

Anterior
Próximo

Mesmo com adiamento no STF, trabalhadores devem fazer um grande ato amanhã pela liberdade de Lula

Tempo de Leitura: < 1

Publicidade

Os golpistas estão tramando o adiamento do julgamento do habeas corpus de Lula e da suspeição do fascista Sérgio Moro, que deveria ocorrer nessa terça-feira (25).

Obviamente, sentiram a pressão popular, manifestada principalmente na convocação de atos por todo o País que ocorrerão hoje e em Brasília que serão realizados amanhã.

Desde a semana passada há o rumor desse adiamento, claramente devido a uma pressão dos lava-jatistas e mesmo da burguesia em conjunto para proteger Moro e impedir que Lula tenha qualquer possibilidade de ser solto ou mesmo de aparecer publicamente, o que já causaria um grande alvoroço popular.

Mesmo que sejam adiados os dois julgamentos no Supremo Tribunal Federal (STF), a esquerda e os movimentos populares devem manter as mobilizações. Esse adiamento se daria justamente com a pretensão de impedir uma mobilização popular, por isso os trabalhadores devem manter essa mobilização.

É preciso realizar o ato em frente ao STF nesta terça, demonstrando a pressão dos trabalhadores pela liberdade de Lula, realizar as atividades de agitação de hoje e preparar para um grande ato nacional em Curitiba no dia 16 de agosto.

Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

Trótski: vida e obra | Curso completo (35ª Universidade de Férias do PCO)

165 Visualizações 3 horas Atrás

Watch Now

Send this to a friend