O mundo dá voltas
Ao todo 498 médicos cubanos que atuavam no Programa Mais Médicos e que ainda estão no Brasil foram chamados para trabalhar
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
x15153213_BsbBrasiliaBrasil24-08-2013PAMedicos-cubanos-quando-chegavam-em-Brasilia..jpg.pagespeed.ic.U5Fgy8VW8G
Médicos Cubanos chegando ao Brasil no inicio do Programa Mais Médicos em 2013 | Foto: Givaldo Barbosa

Os médicos Cubanos remanescentes do programa mais médicos, e que ainda se encontram no Brasil , serão reincorporados  para atuar no combate ao coronavirus. As Portarias  com as convocações foram publicadas no diário oficial da União do dia 30.  Ao todo 498 médicos foram chamados para o programa agora denominado Projeto Mais Médicos para o Brasil.

Bolsonaro ao extinguir o programa  criado no governo Dilma ,  acabou com mais de 10 mil cargos médicos ocupados pelos Cubanos, localizados principalmente nos locais de difícil acesso do Brasil deixando mais de 3000 mil municípios  sem assistência médica.

O deputado federal Alexandre Padilha (PT-SP), ex-ministro da Saúde e criador do programa Mais Médicos ironizou: “A Terra é redonda e o mundo dá voltas”.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas