Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
ciro-manu
|

Definitivamente o PCdoB (Partido Comunista do Brasil) virou cabo eleitoral da candidatura à Presidência da República de Ciro Gomes do PDT (Partido Democrático Trabalhista).

Primeiro foi o governador do Maranhão Flávio Dino e depois o deputado federal Orlando Silva ambos do PCdoB declararam que o partido deve abandonar a candidatura presidencial de Manuela D’Ávila para apoiar a candidatura de Ciro Gomes.

Agora é a própria Manuela D’Àvila do PCdoB do Rio Grande do Sul que está dizendo que quer abandonar sua candidatura para apoiar uma candidatura de esquerda.

No entanto, essa candidatura de esquerda que Manuela quer apoiar não é a candidatura de Lula, e sim a candidatura do direitista Ciro Gomes do PDT.

Além de não considerar um apoio à candidatura de Lula, Manuela ainda quer usar sua candidatura, que tem apenas 1% de intenção de votos para pressionar o PT a abandonar a candidatura de Lula que possui 40% das intenções dos votos, em nome de uma aliança das esquerdas em torno do funcionário de Benjamin Steinbruch, do pato da Fiesp, que só possui 5% de intenções de votos.

Manuela e o PCdoB estão tentando avalizar no meio da esquerda a candidatura golpista de Ciro Gomes, pressionando o PT abandonar o único candidato da esquerda capaz de vencer a eleição, que é o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Enquanto Lula só sobe nas pesquisas e é um candidato indesejável da direita golpista, e é por isso que ele está na cadeia, Ciro Gomes não passa dos 5% de intenções de votos e procura um vice no meio dos golpistas, como o vice presidente da FIESP, que organizou o Fora Dilma, com a campanha do pato, o empresário Benjamin Steinbruch.

Cada vez mais fica claro que a candidatura de Manuela foi organizada a fim de que o PCdoB estabelecesse uma ponte para seus militantes e a esquerda que o PCdoB consiga arrastar para apoiar a candidatura do direitista Ciro Gomes.

O PT não pode deixar se levar pela pressão burguesa e de organizações como o PCdoB que quer a todo custo que o PT embarque em um plano “B” para eleições de 2018, abandonando Lula.

É necessário intensificar a campanha de que a eleição sem Lula é Fraude, e os militantes do PT defendendo a palavra de ordem: É Lula ou nada!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas