Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
DyLAWXIX4AAyC_R
|

Caracas, Prensa Latina – As forças populares leais à Revolução bolivariana mantêm hoje as manifestações de apoio permanente ao presidente legítimo da Venezuela, Nicolás Maduro, diante do golpe de Estado em desenvolvimento promovido pelos Estados Unidos.

O governador do estado de Falcón, Víctor Clark, assegurou ontem que o povo permanecerá nas ruas para respaldar o governante venezuelano, frente às tentativas de Washington de instaurar um governo paralelo no país, novos ataques à economia e os riscos de intervenção.

Clark sublinhou que ninguém pode impor à força um presidente aos venezuelanos, que farão valer a decisão emanada das urnas em 20 de maio de 2018, quando Maduro foi eleito para um segundo mandato com o apoio de mais de 67 por cento dos votos.

O estado de Barinas também acolheu uma grandiosa manifestação popular em repúdio à ingerência de governos estrangeiros e às agressões contra a ordem democrática e institucional, além de reiterar o apoio ao chefe de Estado.

Respaldamos o presidente constitucional Nicolás Maduro, eleito pela grande maioria do povo da Venezuela, destacou o governador dessa demarcação, Argenis Chávez.

Afirmou que as forças populares dessa região saíram às ruas com clareza, consciência e alegria para defender a paz e repudiar as pretensões do governo norte-americano de se apoderar das riquezas da nação sul-americana, em referência às novas sanções contra a indústria petroleira.

Durante o restante da semana prosseguirão as manifestações de apoio ao presidente legítimo da Venezuela em todo o território nacional, incluída a marcha convocada para o próximo sábado em Caracas em celebração aos 20 anos da chegada ao poder da Revolução bolivariana.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas