Mais um massacre imperialista e de seus capachos na Linha de Gaza

gaza5

Avançam os ataques imperialistas e de seus capachos no Oriente Médio. O porta-voz da Autoridade Palestina,Yusuf al-Mahmud, acusou Israel de cometer um “massacre horrível” na fronteira da Faixa de Gaza hoje, 14, onde quase 60 manifestantes palestinos morreram em confrontos com as forças israelenses antes da inauguração da embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém.

O porta-voz pediu em um comunicado “uma intervenção internacional imediata para frear o massacre horrível em Gaza cometido pelas forças israelenses de ocupação contra nosso heroico povo”.

   

Já a algum tempo esse diário alerta sobre o avanço do massacre ao povo palestino, e sem a encenação dos simulacros de negociações de paz essa guerra genocida prossegue. Ainda mais, dada a disposição de resistência do povo palestino, o confronto se torna a cada dia mais agudo. Esse novo massacre de hoje está sendo denunciado a toda comunidade internacional por sítios de esquerda e por órgãos palestinos, que pedem apoio imediato e militar contra o imperialismo e seus capachos sanguinários de Israel.