Extermínio físico da esquerda
Os EUA controlam a Colômbia como produtora de drogas, utilizando a receita para financiar golpes e mercenários pelo continente americano
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
colombia_asesinato_adncali.jpg_1718483347 (2)
Mais de 13 líderes foram ameaçados e 3 mortos nesta região | Foto: Twitter
A polícia de Huila, Colômbia, anunciou nesta segunda-feira (6) o assassinato do líder social e comunitário Gentil Pasos Lizcano, 47, presidente do Conselho de Ação Comunitária da vila de El Puente.
Por volta das 7h30 da noite, homens armados atiraram contra o Sr. Gentil Pasos Lizcano, que estava na calçada em frente a lojas da cidade, o que o levou ao óbito.

O responsável da polícia disse que "depois que o caso foi descoberto pelas autoridades policiais, um grupo de investigação criminal e inteligência se move para determinar os atos urgentes, buscando informações que nos permitam determinar os motivos para esse fato". Porém, se sabe que a Colômbia vive uma ascensão fascista levada a cabo pelo terror da própria polícia, organizados em grupos milicianos, comandados prla extrema direita no governo e a mando dos EUA. 
O imperialismo leva a cabo uma ação coordenada de extinção física de toda oposição da Colômbia. 
Tal como os fascistas italianos na década de 20 e os nazistas em 30, estão matando o povo que se coloca contra o regime na porta de casa, sendo esses, líderes sindicais, comunitários, partidários, e das Farc. São financiados pela burguesia mundial para manter o controle do narcotráfico na região e em todo mundo. 
Os EUA utilizam o país como produtor de drogas, gerando receita para financiar  mercenários golpistas em todo o continente americano.

 
Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas