Coronavírus
Para justificar a total falta de combate ao coronavírus e de apoio a população do país, direita reprime a população numa tentativa desesperada de conter o vírus
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
peru_protestas_loreto.jpg_1718483347
Governo proíbe reuniões no momento em que a população toma as ruas. | Imagem: reprodução

O governo do Peru anunciou a proibição de reuniões familiares e restabeleceu o toque de recolher aos domingos, sob a justificativa de controle da pandemia de coronavírus.

O direitista presidente Martín Vizcarra, do Peruanos Por el Kambio (PPK), “Agora quem está nos contagiando são as pessoas que conhecemos, os familiares que vem visitar, os amigos com os quais nos reunimos para fazer uma partidinha de futebol no bairro, um churrasco“. Nada mais falso, pois a maioria da população peruana está sendo obrigada a trabalhar para sobreviver. E está comprovado que o maior número de contaminações se dá no local de trabalho e no trajeto trabalho-casa.

É mais um exemplo da politica da direita que não faz absolutamente nada e por isso toma medidas ditatoriais contra o povo para fazer demagogia com um setor da população e colocar os trabalhadores sob uma ditadura no momento de grande crise política.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas