LULA LIVRE
Maior sindicato do Brasil aprova participação ativa no ato Lula Livre
maxresdefault (3)
LULA LIVRE
Maior sindicato do Brasil aprova participação ativa no ato Lula Livre
maxresdefault (3)

No começo de agosto, o maior sindicato dos professores do Brasil, aprovou em, sua reunião extraordinária, a participação ativa no Ato do dia 14 de setembro de 2019.

Diante dos acontecimentos, a exigência de liberdade para Lula, comprovadamente um preso político, deve ser, mais do que nunca, uma palavra de ordem central na greve geral do dia 14. Os atos devem ser convocados para exigir a imediata saída do ex-presidente da cadeia e anulação completa dos processos da Lava Jato.

O sindicato mais ativo desde o golpe de 2016, mais uma vez acerta em sua atuação e em sua luta junto aos professores, pois somente o Fora Bolsonaro vai mudar o cenário educacional.

Os vazamentos comprovam também a farsa da eleição de 2018 e a manipulação para tornar possível o governo Bolsonaro. Assim, esse escândalo dá força ao “Fora Bolsonaro” que já vinha ganhando espaço antes mesmo das conversas tornarem-se públicas. Com o fim do governo, novas eleições gerais devem ser convocadas com Lula livre e candidato, para que o povo possa realmente escolher seu representante, e não os juízes e promotores da burguesia.

Mesmo com as acusações pesando contra Moro e Dallagnol, a burguesia não vai abrir mão tão facilmente da prisão de Lula. Outros processos contra o ex-presidente estão por vir, para garantir que seja mantido no cárcere mesmo com a nulidade dos julgamentos aos quais já foi submetido. Portanto é necessário tomar as ruas pela libertação de Lula, pois somente o povo tem força para tirá-lo da cadeia e acabar com toda a farsa do golpe de uma vez por todas.

Convoque sua escola, organize a sua caravana, procure a subsede da sua cidade e se junte aos milhares de professores em um só coro. “FORA BOLSONARO” e “LIBERDADE PARA LULA”