Menu da Rede

Anterior
Próximo

Lula denuncia ditadura do judiciário e é empurrado mais à esquerda

Tempo de Leitura: < 1

Publicidade

Convidado para dar uma palestra acerca do combate à fome em Addis Abeba, Etiopia, neste último sábado, 27, Lula foi mais uma vez alvo de uma arbitrariedade jurídica. Um juiz de primeira instância de Brasilia, Ricardo Leite, expediu uma ordem de retenção do passaporte do ex-presidente um dia após a fraudulenta condenação dos desembargadores do TRF-4.

Frente à impossibilidade de viajar ao continente africano, Lula então enviou um video para a organização do evento, e nele, denuncia veementemente o papel persecutório do Judiciário na condução de seu julgamento e a ditadura conduzida por este poder, com o claro objetivo de eliminar das disputas eleitorais o líder popular de maior envergadura do país e em primeiro lugar nas intenções de voto em diversas pesquisas, com possibilidade de ganho ainda em primeiro turno.

Mesmo diante de uma massiva e intensa campanha difamatória de amplos setores da burguesia e amplificada pela imprensa golpista, Lula continua a crescer nas pesquisas de opinião, e ja é tangível nas ruas o apoio de diversos segmentos e movimentos populares em defesa do ex-presidente.

A consequência imediata desta evidente perseguição política empurra Lula mais à esquerda, fato que se manifesta concretamente em suas falas e discursos, em que Lula deixa claro as intenções da direita e o objetivo de acabar com qualquer resquício ou presença do Estado enquanto promotor de políticas sociais, além da entrega de todo o patrimônio público ao setor privado e parasitário.

https://www.youtube.com/watch?v=ocUdqEVFR7E

Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

Trótski: vida e obra | Curso completo (35ª Universidade de Férias do PCO)

165 Visualizações 3 horas Atrás

Watch Now

Send this to a friend