Recuperado
Ex-presidente estava internado desde sábado, com quadro de bacterimia, mas foi liberado na manhã de ontem.
Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva speaks at the metallurgical trade union while the Brazilian court decides on his appeal against a corruption conviction that could bar him from running in the 2018 presidential race, in Sao Bernardo do Campo, Brazil January 24, 2018. REUTERS/Leonardo Benassatto NO RESALES. NO ARCHIVES
Luís Inácio Lula da Silva. | Foto: REUTERS/Leonardo Benassatto
Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva speaks at the metallurgical trade union while the Brazilian court decides on his appeal against a corruption conviction that could bar him from running in the 2018 presidential race, in Sao Bernardo do Campo, Brazil January 24, 2018. REUTERS/Leonardo Benassatto NO RESALES. NO ARCHIVES
Luís Inácio Lula da Silva. | Foto: REUTERS/Leonardo Benassatto

O ex-presidente da república e perseguido político, Luís Inácio Lula da Silva (PT), teve alta na manhã da última terça-feira após passar quatro dias internado no Hospital Sírio-Libanês com um quadro de bacterimia.

A doença não era grave e pode ser sido resultado desde uma operação dentária à uma infecção urinária.

Há pouco mais de um mês, Lula já havia sido contagiado pela COVID-19 em viagem à Cuba, todavia, não teve sintomas.

Relacionadas
Send this to a friend