Eleições no Equador
Conselho Eleitoral do Equador anuncia que demorará dias para que se saiba quem irá enfrentar Andrés Arauz, candidato de Rafael Correa.
Eleições - Equador
Eleições presidenciais no Equador. | Foto por: reprodução.
Eleições - Equador
Eleições presidenciais no Equador. | Foto por: reprodução.

Segundo informou o Conselho Nacional Eleitoral (CNE) do Equador, na tarde desta segunda (08), que poderão se passar dias até que seja anunciado o segundo colocado nas eleições para presidente do país realizadas no domingo (07).

O presidente do órgão, José Cabrera, afirmou em entrevista à imprensa “O tema ainda levará vários dias, dependendo dos recursos apresentados pelas organizações políticas, que têm todo o direito” não esclarecendo que recursos seriam estes, quais suspeitas estariam sendo levantadas ou por qual partido.

Segundo a instituição a possibilidade devido à proximidade nos votos computados entre os candidatos Yaku Perez, do Movimento de Unidade Plurinacional Pachakutik com 19,8% dos votos e Guilhermo Lasso do Movimento Creo, que ficou com 19,6%. Com 97,56% das urnas apuradas o CNE afirma que será necessário atingir 100% de contabilização das cédulas e depois aguardar e analisar os recursos.

O primeiro colocado foi o economista Andrés Arauz, candidato apoiado por Rafael Correa, com 32% dos votos.

Relacionadas
Send this to a friend