Latifundiários invadem Assentamentos no Oeste da Bahia

policia-guarda-grileiro

No Oeste da Bahia, as famílias assentadas no Assentamento Nova Explanada no município de Mansidão, e a do assentamento Arco Verde, no município de Santa Rita, estão sofrendo com a invasão de suas terras por latifundiários da região.

O Movimento dos Trabalhadores Rurais (MST) da Bahia denunciam que a latifundiária Dorgelina de Souza Oliveira Medeiros, dona da fazenda Vargea, já cercou 200 hectares do assentamento Nova Explanada, com processo aberto na ouvidoria agrária do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA).

Outro caso semelhante ocorre no Assentamento Arco Verde, onde dois latifundiários vizinhos já cercaram áreas do assentamento e dizem que são áreas pertencentes aos latifundiários. Nos dois casos há ameaças e pistoleiros para garantir a invasão dos assentamentos, inclusive com perseguição a lideranças e trabalhadores rurais que sofreu emboscada.

Os latifundiários estão aproveitando o governo golpista e a ofensiva contra os trabalhadores sem-terra para atacar e tomar as terras dos assentamentos. Estão se aproveitando do acobertamento dos crimes do latifúndio realizados pelo Estado golpista e pelas arbitrariedades cometidas pelo judiciário.

Fica evidente a necessidade de criar comitês de autodefesa dos trabalhadores rurais desses assentamentos para enfrentar esses ataques do latifúndio e contra a ameaça dos pistoleiros contra as famílias sem-terra.