Justiça livra Alckmin de mais uma acusação

picolé-de-chuchu-alckmin

Da redação – Inquérito sobre caixa 2 de Geraldo Alckmin pode mudar de ‘instância’ pela sexta vez em três meses, a promotoria de São Paulo tenta enviar para a segunda instancia eleitoral a denúncia sobre caixa dois nas campanhas de 2010 e 2014 do Tucano.

Aparentemente ninguém do MP quer assumir a responsabilidade pelo caso, usando de firulas jurídicas um promotor passa a bola pra outro e ninguém chega na boca do gol para chutar.

É de se estranhar que ainda não tenham arquivado o caso, como é típico em casos de corrupção envolvendo tucanos, deve ser o próximo passo, mas parece que discordam de quem deve ter a responsabilidade pelo pedido de arquivamento.

O caso não vai dar em nada mesmo. Se por outro lado o caso envolvesse algum dirigente petista a ação já estaria  aguardando sentença do juiz, ou até mesmo com o trânsito em julgado da condenação.

A vida é muito boa para quem é do PSDB. É óbvio que a justiça que é totalmente controlada pela direita golpista não iria perseguir um dos seus: aos amigos tudo, aos inimigos a lei.

E como Alckmin é amigo do peito, não há chance de alguém incomodá-lo, a não ser é claro que ele não sirva pra mais nada, mas não é o caso, ele ainda tem muita serventia, quem sabe até possa ser o próximo presidente do Brasil, um novo FHC.