Golpe contra jogadores
Em meio a explosão de contágios, STJD determina que jogos do Carioca voltem
Foto: Gustavo Biano / EPTV
Superior Tribunal de Justiça | Foto: Gustavo Biano / EPTV
Foto: Gustavo Biano / EPTV
Superior Tribunal de Justiça | Foto: Gustavo Biano / EPTV

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) deu ganho de causa à Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) na disputa entre a entidade e os clubes, que pleiteavam a prorrogação do calendário esportivo. Com isso, Fluminense e Botafogo devem retornar aos gramados no dia 28, mesmo sob protestos de jogadores e torcedores.

Em nota, o Botafogo declarou que irá cumprir a determinação, acrescentando, porém, cŕiticas à decisão:
“É constrangedor ser obrigado a competir no único país que planeja jogos de futebol convivendo com registros, em média, superiores a 1.000 mortes e 30.000 contaminações por dia. O único no mundo a iniciar partidas com essa marca de óbitos e casos. A pressa é sem explicação: não há outras competições, nacionais ou internacionais, agendadas. Não há calendário futuro. Jogar com essas marcas é falta de respeito aos mortos e seus familiares. E sob um recorde fúnebre. Para não enlamear mais o campeonato em que as pessoas perderam o bom senso, o Botafogo está fazendo sacrifícios para encerrar esse triste momento”.

O Fluminense não se pronunciou sobre a decisão até o fechamento da matéria.

Relacionadas
Send this to a friend