Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
lula5
|

Da redação – A defesa pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aumenta a cada dia. Agora, onze juristas europeus e latino-americanos enviaram um documento ao governo golpista na última quinta-feira, 23, para lembrar aos capachos dos norte-americanos os tratados internacionais que a justiça deve seguir como determinação do Comitê de Direitos Humanos da ONU. A carta é assinada pelos renomados juristas Baltasar Garzón, da Espanha; Luigi Ferrajoli, da Itália, William Bourdon, da França, o jurista Emílio García Mendez, presidente da Fundação Sul Argentina e o presidente de honra da Liga de Direitos Humanos (LDH), Henri Leclerc.

O órgão denuncia a perseguição ao petista e aponta para que o país não impeça Lula de exercer seus direitos como candidato. O documento foi redigido em Paris, enviado também ao ministro da Justiça, Torquato Jardim, ao golpista Aloysio Nunes, das Relações Exteriores, Eunício Oliveira, presidente do Senado, à ministra Cármen Lucia, presidente do STF até a posse de Dias Toffoli, e outros dez integrantes do Supremo Tribunal Federal (STF), incluindo a golpista Rosa Weber que é presidenta do TSE.

O texto ressalta que o movimento golpista do Brasil ignora o cumprimento dessas medidas, o que gera uma situação de vergonha internacional, típica de países que “desprezam o respeito pelos princípios democráticos e o estado de direito”. Diz ainda que “este não pode ser o caso do Brasil, que, pelo contrário, se declarou como uma das grandes nações democráticas do mundo”.

É preciso a ampla denúncia, que agora é internacional, junto a uma organização nas ruas que derrote o golpe pela força dos movimentos operários e camponeses. Lotar Brasília no dia do julgamento de Lula é agora a missão dos trabalhadores para garantir sua candidatura e vitória contra o bloco golpista servo do imperialismo norte-americano.

Leia aqui a carta na íntegra

 

 

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas