“Julgamento no STJ foi uma jogada cantada para manter Lula preso”, Rui Costa Pimenta

Da redação – Presidente Nacional do PCO, Rui Costa Pimenta, denunciou que o julgamento do STJ foi marcado por conta da necessidade dos golpistas de votar a questão da prisão em segunda instância.

O STF adiadou o julgamento desta questão para depois do julgamento de Lula no STJ de forma em não libertar Lula, em hipótese alguma. Com o julgamento do STJ, Lula não será mais preso em segunda instância; terá passado por todas elas.

As divisões internas da burguesia coloca um grupo do STF contra a prisão em segunda instância, para favorecer os setores políticos que estão sendo atacados pelo imperialismo – como políticos do MDB, Aécio Neves e outros da burguesia tradicional, que deverão ser favorecidos pelo julgamento da prisão em segunda instância no STF.

Portanto, o julgamento pelo STJ foi uma jogada cantada para manter a conspiração de manter Lula preso, enquanto setores políticos da burguesia se beneficiam da crise da política do imperialismo. Fica claro que a saída institucional para libertar Lula não passa de uma ilusão. É preciso uma ampla mobilização popular.

Assista a análise política de Rui Costa Pimenta, pela Causa Operária TV: