Crise na burguesia
Kassio Nunes Marques pediu vistas do processo, que não tem data para ser retomado.

Por: Redação do Diário Causa Operária

O julgamento sobre a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro para condenar o presidente Lula foi suspenso. O ministro Nunes Marques pediu vistas alegando não conhecer adequadamente o processo para dar seu voto.

A ministra Cármen Lúcia, por sua vez, preferiu não adiantar o seu voto que, em sessão anterior havia sido contrário à suspeição de Moro. O que se comenta é que, se Cármen Lúcia quer votar novamente, então ela tenderia a mudar o seu voto.

Com Gilmar Mendes e Ricardo Lewandovsky votando a favor da suspeição e Edson Fachin já tendo votado contra, existe um impasse.

Send this to a friend