Jovem morre após ser agredido pela Policia, no interior de SP

gabriel

Um adolescente morreu na noite desta terça-feira (dia 06/03) após intervenção da Polícia Civil numa festa de carnaval em São Luiz do Paraitinga, na região do Vale do Paraíba, Estado de São Paulo.

Gabriel Galhardo, de 16 anos, foi atingido por um cassetete e bateu de cabeça no chão. Ele chegou a receber atendimento na Santa Casa da cidade, mas não resistiu e veio a óbito.

Segundo testemunhas, Gabriel estava tentando se afastar de um grupo que tinha iniciado uma briga, mas recebeu um golpe desferido por um policial. Já a Polícia alega que interviu dessa maneira na situação porque a briga estava causando uma confusão generalizada.

Esse é mais um caso que evidencia como atuam as polícias: com truculência, agressividade e de modo criminoso. Principalmente contra a população pobre e negra e também contra a juventude.

Diferentemente do que muitos imaginam, e do que é propagado pela imprensa burguesa, a Polícia não serve para proteger o cidadão. Ela serve para, através de diversos mecanismos, reprimir e massacrar a população para garantir os interesses da classe dominante e, assim, poder espoliar a população.

Por isso, é preciso intensificar a luta pela dissolução completa de todas as polícias. E a sua substituição por milícias populares, controladas pela população. Para que a população dos bairros operários possa ter meios de fazer a sua autodefesa e para que possam reagir às arbitrariedades do Estado.