Jornalista censurado se demite ao vivo após entrevista com Bolsonaro

Screen Shot 2018-10-23 at 6.26.00 PM

Da entrevista – Em entrevista ao programa Bom Dia da Rádio Guaíba do Rio Grande do Sul, Bolsonaro se recusou a responder às perguntas de Juremir Machado Da Silva, que se sentindo humilhado com a situação se demitiu ao vivo.

A bancada do programa é formada por Rogério Mendelski, Jurandir Soares e Juremir. Rogério que é o âncora do programa não passou a palavra para ninguém durante a entrevista. Assim que Rogério terminou a entrevista, Juremir perguntou: “Nós podemos dizer que o candidato nos censurou?” Rogério respondeu: “Não diria isso. Foi uma exigência do Bolsonaro. Normal.”

Esse é mais um caso de censura e autoritarismo do candidato fascista. Já perdemos a conta de episódios em que o candidato do Partido Social Liberal utilizou-se de autoritarismo para lidar com a imprensa. Antes mesmo de assumir o cargo de presidente do país já estamos presenciando cenas de autoritarismo e censura.