Preso desde os 19
Após 49 anos de prisão, o militante dos Panteras Negras será solto, após ser comprovado sua inocência…
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
06175a5d926302b9a0c44020df9e4438_2fdd318d5edc5347c3c7ee42a967fcfb (1)
Ditadura do imperialismo faz militante inocente passar vida preso. | Reprodução/Jericho Movement

O ex-membro dos Panteras Negras, o norte-americano Jalil Muntaqim, será solto até o dia 20 de outubro após ficar preso por 49 anos por um crime que não cometeu.

Muntaqim foi preso por ter assassinado dois policiais em um tiroteio em 1971, enquanto ainda tinha 19 anos. Desde então diversas evidências comprovaram sua inocência, o que não foi suficiente para retira-lo da prisão.

Sua acusação de seu mediante a tortura de outro membro dos Panteras Negras, chamado Ruben Scott, o que reforça a completa ilegalidade de sua prisão.

Muntaqim é hoje uma das principais figuras da luta pela liberdade dos presos políticos nos EUA.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas