Compre o JCO N°1131
Mais nova edição do Jornal da Causa Operária disponível em todo Brasil. O jornal mais tradicional da esquerda aponta as soluções para os trabalhadores na crise e nas eleições.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
04356ba8-6106-4822-8141-a643c10a717c
Reprodução da capa da edição da semana | Foto: Reprodução

A nova edição do Jornal Causa Operária (JCO), N°1131, já está disponível para distribuição e leitura em todo País. O jornal tem a tradição de apontar semanalmente a solução para a crise capitalista na defesa dos interesses da classe trabalhadora, são mais de 41 anos de experiência nas ruas. Assim, com matérias exclusivas sobre política nos mais variados âmbitos, cultura e história ele é o principal contraponto as deploráveis mentiras e demagogias da Imprensa Burguesa.

Para comprar o JCO N° 1131, basta contatar qualquer militante do Partido da Causa Operária (PCO) em atividades de rua ou por contato direto, como também se comunicar diretamente com a Secretaria de Organização do Partido (SORG), cujo número é: 11 997410436

Os planos gerais para assinatura são:

Mensal: 25 reais

Trimestral: 75 reais

Semestral: 150 reais

Anual: 300 reais.

Para comprar o jornal unitário ou fechar outros pacotes falar com os militantes ou com a SORG.

TRÊS POLÍTICAS DIANTE DA CRISE E DAS ELEIÇÕES

Na manchete do jornal está ilustrada a situação geral da crise no âmbito das eleições. 

Em um momento de morte, desemprego e fome, a situação se radicaliza e as posições políticas se esclarecem. A direita tradicional, ao mesmo tempo em que torce o rabo para tentar reviver seus candidatos, busca manter Bolsonaro no poder e encaminhar uma nova etapa do golpe. A frente ampla, encabeçada por partidos como o PSOL e o PCdoB, dá espaço para o formulação de uma fraude eleitoral com imitações baratas das promessas da direita e da defesa de uma aliança entre a classe trabalhadora e a burguesia. Ou seja, com uma política traidora e criminosa ou, no mínimo, presa em um viciado “mundo da lua”.

Em contraposição, o Partido da Causa Operária se fortalece como uma completa oposição na denúncia de que as eleições são um jogo de cartas marcadas, e com o chamado para uma luta por Fora Bolsonaro e Lula presidente. Um programa de luta contra a iminência da fraude eleitoral e a paralisia generalizada da esquerda.

Como parte do editorial também, está suscitada uma importantíssima discussão para a esquerda, em especial para a histeria identitária, no texto: Uma ditadura policial escancarada. Essa esquerda atualmente é um dos principais setores que servem de tripe para apoiar o punitivismo e a política bolsonarista, utilizando como espantalho a soltura do André do Rap. Neste tópico, o JCO também convoca todos para lutar junto com o PCO para organizar conselhos populares capazes de travar a luta pelo Fora Bolsonaro em cada bairro ou município no texto: Lute com o PCO pela organização de conselhos populares

Análise

Eleições municipais: ensaio de um golpe eleitoral em 2022

Neste tópico o jornal faz um retrato do principal programa político da esquerda brasileira, a Análise Política da semana apresentada pelo companheiro Rui Costa Pimenta na Causa Operária TV.

Aqui o leitor tem acesso a um panorama político preciso sobre a atual correlação de forças políticas nos principais acontecimentos da semana. A título de exemplo, uma argumentação sobre as artimanhas da frente ampla – “cavalo de troia” – que buscam canalizar o voto do PT e da esquerda, bem como desmantelar o PT. 

A análise também esclarece sobre as principais questões econômicas do Brasil e do mundo, como também responde às perguntas dos espectadores e coloca questões fundamentais para a luta política.

Opinião

Textos exclusivos dos militantes e colunistas do Partido da Causa Operária também estão disponíveis em todas as edições. Nesta seguem os texto de autoria;

João Pimenta: Estadão e PSOL versus PT e PCO: escolha seu lado. Artigo que responde a jornalista tucana Vera Magalhães que em crítica ao PCO coloca “Vai ter frente ampla sem petista na cabeça, sim!”.

Antônio Carlos Silva: As falsas homenagens dos inimigos da educação. Artigo que denuncia a campanha tradicional de homenagem aos professores em seu dia no calendário, enquanto os mesmos “cretinos” que exaltam os educadores destroem cada vez seus direitos e os jogam na miséria.

Polêmicas

O sonho dos “revolucionários” de participar de um governo burguês. Aqui o jornal polemiza com a euforia total da esquerda, que com suas propagandas ilusórias e seu objetivo suicida de desmantelar o PT, acaba por levá-la a uma integração ainda mais fundamentada ao regime golpista.

“Não é stalinista”, mas gosta de Stálin e usa seus métodos. Neste texto o jornal trata de uma questão necessária para combater a confusão sistemática do stalinista dentro da esquerda, polemizando com novas engrenagens vazias da burguesia como o blogueiro Jones Manoel, o qual diz não defender a burocracia soviética mas coloca na prática seus métodos. 

Entrevista: Nina Tenório e Edson Dorta

Parte da série de entrevistas da Causa Operária com os candidatos do PCO às prefeituras onde o Partido participa nacionalmente. Conheça a candidata e as propostas do PCO em Maceió-AL, onde a companheira jovem integrante da coordenação do Coletivo de mulheres do PCO, fala sobre sua candidatura e a ditadura nas eleições. Conheça também o candidato do PCO em Campinas-SP, onde o dirigente do PCO e trabalhador dos Correios, fala a respeito da necessidade de organizar os trabalhadores.

Outras matérias como: a destruição do Brasil, indústria tem o maior retrocesso em mais de 20 anos e direita e “esquerda” juntas, Querem enterrar o PT vivo na capital paulista o leitor encontra com exclusividade nesta edição.

No segundo caderno, o jornal conta com matérias internacionais, históricas, culturais e dos coletivos fundamentais da luta política. Como um panorama sobre as eleições dos Estados Unidos com o texto: Haverá um golpe de Estado nos EUA? 

Matérias da juventude sobre as greves estudantis crescentes no norte, dos negros, noticiando sobre os presos que fazem greve de fome contra a proibição de visitas no RS e das mulheres que tem participação no mercado retrocedidas a 30 anos.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas