Siga o DCO nas redes sociais

Ato contra a extrema-direita
Itália: milhares de pessoas saem às ruas de Padova contra o fascismo
Segundo as estimativas, o protesto contou com a participação de quatro a dez mil pessoas na Piazza delle Erbe
77179431_113467343462256_5718525865432711168_o
Ato contra a extrema-direita
Itália: milhares de pessoas saem às ruas de Padova contra o fascismo
Segundo as estimativas, o protesto contou com a participação de quatro a dez mil pessoas na Piazza delle Erbe
Mesmo sob chuva, milhares lotaram praça em Padova contra a extrema-direita. Foto: Sardine di Padova
77179431_113467343462256_5718525865432711168_o
Mesmo sob chuva, milhares lotaram praça em Padova contra a extrema-direita. Foto: Sardine di Padova

Da redação – Milhares de pessoas ocuparam a Piazza delle Erbe, em Padova (Itália), na noite de ontem (01), em uma grande manifestação contra a extrema-direita representada pela Liga (partido do governo) e suas políticas fascistas, racistas e contra os imigrantes dos países oprimidos.

Mesmo sob forte chuva, os manifestantes entoaram palavras de ordem pela abolição das medidas repressivas da Liga e cantaram a tradicional música antifascista italiana Bella Ciao, além da famosa música Imagine, de John Lennon.

Houve também muitos gritos de “Padova é antifascista!”. Segundo as estimativas, o protesto contou com a participação de quatro a dez mil pessoas.

A cidade fica na região do Veneto, no norte da Itália. Foi justamente no norte do país onde surgiu o partido de extrema-direita, a Liga (anteriormente chamado de Liga do Norte).

Manifestações como a de ontem em Padova vêm ocorrendo há duas semanas por toda a Itália. No sábado (30), foi a cidade de Treviso, também no Veneto, que recebeu um ato semelhante contra a extrema-direita, que está no governo nacional.